Mulher vai visitar os filhos e leva 20 facadas do ex-companheiro

A polícia está à procura do homem de 32 anos apontado como responsável pela tentativa de feminicídio contra a ex-companheira, de 28, no início da noite desta terça-feira. O casal estava separado e a mulher havia acabado de visitar os filhos na casa dele quando foi surpreendida. Ela foi internada no Hospital João XXIII.

Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima e o agressor estavam juntos há 12 anos e tiveram quatro filhos. Na semana passada, ela resolveu terminar a relação e saiu de casa, no Bairro Ermelinda, Região Noroeste de Belo Horizonte. Os filhos ficaram com o pai, diz o MSN.

A jovem contou à polícia que estava tentando marcar uma data para visitar as crianças e eles combinaram o encontro ontem à tarde. Por volta das 19h, a mulher estava indo embora quando o ex disse que ela só sairia da casa morta. Segundo a PM, ele pegou uma faca na cozinha e atacou a mulher, mas como o objeto não perfurava, buscou um punhal que ficava escondido sobre o colchão, jogou a vítima no chão e deu vários golpes nela.

A PM foi chamada e socorreu a vítima. Ela foi levada a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e de lá transferida para o Hospital João XXIII, onde um médico constatou 20 perfurações no rosto, tórax e braços da vítima. O quadro dela era estável.

O homem fugiu e o punhal foi encontrado em uma panela sobre o armário da cozinha. O caso foi encaminhado à Polícia Civil.

24/07/2019